domingo, 20 de dezembro de 2009

Mudança de cidade e o treinamento!

Descobri quando fui assinar o contrato de trabalho e iniciar o treinamento, no dia 07/12, que terei que me mudar. É uma cidade bem perto de onde moro, mas os horários de ônibus são impraticáveis, além do tempo gasto de locomoção... É uma mudança total de vida mesmo! Me falaram que tem algumas pessoas que trabalham lá e voltam pra cá todos os dias, mas é meio cansativo. Coloquei tudo no papel, simulei os gastos, e acho que dá pra encarar. Vou pagar a mais, é claro, do que se fosse e voltasse todos os dias (pois a empresa contribuiria com o vale transporte), mas acho que ficando por lá vou ter mais qualidade de vida. Vamos ver né.


Sobre o treinamento

Foram semanas intensas pra mim, muito! Tive que encarar fraquezas minhas, algumas eu nem sabia que tinha. E me superar a cada dia...

No primeiro dia veio o baque com a cidade que fui lotada. Comecei a pensar nas dificuldades que teria e fiquei quase louca. Só acalmei mesmo quando decidi que o melhor seria arrumar um apartamento pra ficar por lá durante a semana. Com isso em mente, fiquei até feliz, pensando em como seria, na mudança mesmo, e até gostando da ideia! :D Eu já moro sozinha, mas no apartamento dos meus pais... agora vai ser diferente, é uma sensação de mais independência, algo aliás que eu sempre, sempre, sempre busquei!

Minha maior dificuldade no treinamento foi falar em público... coisa que tive que fazer TODOS os dias, até mais de uma vez em alguns dias. Na primeira vez eu nem estava tão nervosa antes, aí quando estava lá na frente falando, comecei a tremer, coração disparado, a boca tremendo pra falar... que horror! Eu tinha planejado o que ia falar, bem bonitinhas as coisas até (era pra falar de mim, fazer um resuminho da minha história e do que esperava para o futuro), mas nem consegui falar quase nada, minha cabeça deu um branco... Aí depois disso, parece que a cada fala ou apresentação que ia fazer, eu piorava gradativamente... teve um dia que tive vontade sair correndo da sala antes de me apresentar... já pensou? Fiquei desesperada, tentando pensar em alguma solução. O que fiz: fui numa farmácia e comprei um calmante natural, foi o que me salvou!! Talvez o efeito tenha sido mais psicológico, não sei, mas foi um freio para aquele nervosismo que estava crescendo a cada vez, e fui ficando mais calma a cada dia, graças a Deus!

Que coisa né? Mas acho que isso foi bom, pra eu encarar de frente meus problemas e ver no que preciso melhorar. É claro que lá foi o maior sofrimento, não queria ter passado por isso, mas vendo pelo lado bom... Assim que tiver um tempo, vou fazer um curso de oratória, com certeza! Esse vai ser um dos meus objetivos pra 2010! :D É muito importante saber falar direito, acho que pra tudo! As pessoas te valorizam mais, isso é certeza. Lá no treinamento a maioria das pessoas falava super bem, e vi como isso é importante, como as pessoas já te vêem com outros olhos... alguns poderiam até fazer novela na globo, hahahah (mas é sério, tivemos que fazer vários teatrinhos também, imagina só né...).

Eu sei que posso melhorar. E sei que vou!!


Agora uma nova fase...

Voltei ontem da cidade onde estava fazendo o treinamento. Hoje já vou pra cidade que vou morar... que correria! Tudo intenso, tudo diferente. Amanhã tenho que chegar as 09:00 h na agência... nossa quanta ansiedade! Nessa noite nem consegui dormir direito, só pensando nas coisas... pensando como vai ser o primeiro dia, como são as pessoas que irei trabalhar, qual será o meu setor, o que irei fazer, como será o chefe, qual será meu horário de trabalho... tuuuudo!

Minha mãe vai comigo pra me ajudar a encontrar um apartamento. Hoje ficaremos num hotel, amanhã irei trabalhar e ela nas imobiliárias :D. Tomara que consiga um lugar perto do trabalho, bom, bonito e barato! :D

É muita expectativa!






2 comentários:

Kha disse...

Nosaaa!!!!!
Parabéns pelo concursso conquistado e muito sorte para vc nesta nova empreitada!!!
Beijos.

Dayane disse...

Oi..^^
Adorei o seu blog, aliás, vi qse todos!
Estou mais ou menos na mesma situação q vc. Passei no vestibular e arrumei um emprego.
Não existe coisa piooor q primeiro dia no emprego! Sério, n existe!
Ficamos perdidas, nervosas e com síndrome de inferioridade múltipla. Uma por não saber desempenhar funções básicas *que depois riremos disso* por conta do tamanho nervosismo e outra por não ter controle sobre nós mesmas!
Sabemos q tudo se resolverá, tudp se ajeita mas, até lá derramaremos lágrimas e gastaremos nos calmantes naturais q na boa..adorei a dica! hahhaha
Acompanharei sua jornada esperando sempre qndo entrar, encontrar notícias boas pra que melhore meu dia e de todos os seus seguidores q acreditam na sua capacidade e vontade de vencer.

Bjo. Se cuida